13.5.17

Hitchcock
Sempre gostei de ver filme, de todo o tipo. Quando fui pro Brasil ano passado, no avião passei o tempo todo assistindo uns filmes antigos, entre eles um do Hitchcock, acho que foi The Man Who Knew Too Much. Claro que já tinha ouvido falar dele, mas nunca dei muita atenção pro que ele fez. Depois que vi akele, fui pra outro, e outro. Gostei pra kct, aí peguei a lista toda dele e assisti um por um, até terminar todos. Agora completei a filmografia inteira! São por volta de 55 filmes, começando em 1925 até 1976.

Eh como uma aula da história do cinema, pois no início era mudo (até 1929), depois veio o som, mas ainda preto e branco (de 1930 até 1947), depois colorido (de 1948 pra frente). Mto legal ver essa evolução, e perceber todos os detalhes do esforço que era necessário em cada fase. No começo como não tinha som, tinha que usar técnicas diferentes de atualmente, como expressões corporais exageradas, pra gente poder entender direito o que tá acontecendo. E sem cor, tinha que criar efeitos com sombras e luz, e por aí vai.

Hitchcock não fazia só filmes de terror, como mtos pensam. Aliás, quase não tem terror, mas sim aventura, suspense, thriller, e até comédia. Esqueça Psycho, The Birds, Vertigo... Esses são ótimos filmes, claro, mas tem muito mais que isso! Quer ver um negócio bom mesmo, assista The Lodger (1927), The Lady Vanishes (1938), Rebecca (1940), Shadow of a Doubt (1943), Rope (1948), Strangers on a Train (1951), entre tantos outros... Bom demais!







3.2.17

Viagem ao Brasil
Demorei, mas agora finalmente vou contar como foi a viagem pro Brasil no natal e ano novo. Já se passaram algumas semanas desde q voltei, mas parece q faz bem mais tempo...

Bom, a viagem começou na verdade em Zurique, Suíca, pois fizemos trânsito lá e ficamos dois dias naquela maravilha de cidade. Tudo tão bonito, com akeles casarões que mais pareciam sair de filmes, com uns trens antigos, gente educada, e pra fechar, a neve caindo e um frio abaixo de zero. Acordei bem cedo pra dar uma volta, e pra minha surpresa ainda tava tudo escuro, pq lá no inverno só amanhece depois das 8:30! Também comemos fondue com um vinho gostoso, quer mais o que? Ficamos bem pouco tempo, mas valeu cada minuto, é um lugar que gostaria muito de voltar!

Próxima parada, Brasil. Bem longe da beleza da Suíça, mas ali eh q nasci e onde estão as pessoas q eu amo, então não tem como falar mal, apesar de estar cada vez mais perigoso e tudo muito caro. Enfim, passei momentos perfeitos com a minha família, quer dizer, minhas famílias, pois levei também o pessoal daqui do Japão pra conhecer lá. Gostaram de tudo, principalmente da comida da minha mãe (que é tudo uma delícia, sem exceção!), e também do jeito simples e afetuoso do brasileiro, coisa que é meio difícil de ter aki. Passeamos um monte em Curitiba, fomos nos parques, shoppings, na jardineira, Mercado Municipal, feirinha do Largo, enfim, tudo q eh turístico. Também fomos pra Foz ver as cataratas, e demos umas voltas em São Paulo. Felizmente não tivemos nenhum problema, tudo perfeito! :)

























5.10.16

Brasilllll!
Confirmado! No fim do ano vou pro Brasil! Dessa vez não vou sozinho como no ano passado, mas com a Yuriko, a mãe dela e a irmã. Vamos sair daki pela Suíca, dar uma paradinha lá, e daí pro Brasil. A Yuriko já foi uma vez, mas pras outras duas vai ser a primeira. Só o sogrão não vai poder ir, alguém tem q trabalhar né hehe. Bom, o calendário ficou assim:

21/12 - saída do Japão, via Swiss Airlines.
22/12 - chegada em Zurique, passar um dia e meio lá.
23/12 - chegada em SP, aí outro vôo pra Ctba. Chegada em Ctba de tarde.
24/12 a 01/01 - natal, passeios, visitas aos parques, ida a Morretes, etc.
02/01 a 04/01 - visita a Foz do Iguaçu, e tb Puerto Iguazu na Argentina.
05/01 a 07/01 - passeios finais em Ctba.
08/01 - saída de Ctba pra SP.
09/01 - passeio em SP. Ir na Paulista, Mercado Municipal, Liberdade, etc.
10/01 - saída de SP pra Zurique.
11/01 - passeio de novo em Zurique.
13/01 - chegada em Tokyo, fim :/







15.9.16

Na madrugada
Hoje eu acordei não eram nem 5 horas da manhã, abri a janela e o céu já não tava mais preto, mas também ainda não tava azul. Não era noite, nem dia. Era uma coisa no meio, um cinzento calmo, sereno. A rua vazia, quase nenhum barulho, ninguém andando. Eu gosto mto desse horário, eh como se ainda não fizesse parte do dia, como se fosse uma coisa proibida, sabe, do tipo "ei, vc não deveria estar acordado agora". E tudo o q vc fizer nessa hora vai ser um segredo, pq as regras ainda não estão valendo...

Bom, agora q já se passou um certo tempo, os primeiros raios de sol já saíram, voltou ao normal. Os sons dos carros passando, o pessoal indo trabalhar, enfim, aquela mágica daquela hora em particular se desfez e ficou tudo monótono novamente.

Aki de frente pra janela a primeira coisa q se vê eh um hotel enorme, tá meio velhinho mas como tem um preço popular, eh sempre cheio de gente. Às vezes eu fico olhando e imaginando quem tá hospedado, o que veio fazer aki, se eh a primeira vez no Japão, se só veio a negócios, se tá passeando... Qual a percepção dela do que tá ao redor? Eu lembro qdo cheguei aqui e tudo era estranho, não tinha idéia de nada. E agora, como eh diferente! As coisas são as mesmas e continuam no mesmo lugar, o que mudou fui eu, que adquiri conhecimento e experiência, e agora passo a ver diferente. É como pegar um objeto qualquer, como uma maçã, uma mesa, que seja, qualquer coisa, colocar na frente de várias pessoas, e pedir pra elas descreverem o objeto. Cada uma vai descrever de um jeito diferente. Uma que gosta mto de maçã vai dizer que eh uma fruta deliciosa, outra vai dizer q eh ruim. Alguém de algum país distinto por aí pode até nem conhecer uma maçã, e vai descrever somente como uma coisa redonda vermelha, talvez não saiba nem que é de comer. Igual pro exemplo da mesa, vai q o cara tem uma lembrança mto especial de sua infância relacionada à uma certa mesa que parece com aquela na frente dele, então vai descrever bem diferente de outra pessoa que não vê nada de importante naquilo. O objeto por si nunca vai deixar de ser o que é, mas muda dentro da cabeça de cada um, por causa de suas experiências e conhecimento.

Mais ou menos isso...






30.8.16

Natação
Sempre amei nadar, desde mais ou menos 5 anos de idade eu já ia pra escolinha de natação. Não lembro mto dessa época, uma coisa q nunca me sai da cabeça eh o bigodão do professor, q sempre falava pra gente inspirar bem pelo nariz, e expirar pela boca hehe. Lembro também q a gente era sócio de um clube e que sempre que dava íamos lá na piscina e comíamos pastel de queijo depois, ô delícia! Acho que só comecei a nadar regularmente mesmo depois dos 14 anos, quando nos mudamos para Curitiba. Fiz um pouco de aula, mas depois que aprendi larguei mão e entrei num clube perto de casa, onde podia ir qualquer hora e qualquer dia (inclusive fds e feriados). Uma coisa eh certa, nadar me ajudou muito, e me ajuda até hoje. É como uma terapia, uma coisa só minha... Me sinto mto bem quando vou, nada se compara. Fico ali fazendo o que eu quero, no meu ritmo, sem mais ninguém.

Desde que vim pro Japão to nadando bem mais do que antes, achei um lugar bem legal e que abre cedinho, dá pra ir antes do trabalho, e nas minhas folgas praticamente passo o dia por lá hehe. Dependendo do meu ânimo e do tempo disponível, vou mudando o que eu nado, mas basicamente faço um desses treinos:

-crawl/peito alternado, 3.000 metros em 1 hora, sem parar.
-borboleta, 2.000 metros em 1 hora, parando por 30 segs a cada volta (o que eu mais gosto e que mais faço).
-medley (todos os estilos), 2.000 metros em 1 hora, parando por 1 min a cada ciclo de 200m.

A Yuriko resolveu me filmar nadando borboleta esses dias hehe. Tava meio cansado, por isso fiz meio devagar, mas não dá nada :D








18.8.16

Hokkaido
Já virou costume, em Agosto tem um feriado grande de quase uma semana, e a família da Yuriko vai tudo pro resort Clubmed em Hokkaido, no norte do Japão. O bom de lá eh q eh tudo incluído, não precisa sair do lugar pra nada, ainda mais q nem tem nada ao redor, só floresta! Tem piscina, quadra de tênis, golfe, squash, rafting, academia, sauna, ofuro, tudo q pensar... E tb todas as refeições incluídas, café da manhã, almoço, janta, bebida também, o q quiser só pedir, não precisa pagar nenhum extra. Claro q tudo isso eh bem caro, mas como a gente foi com a família toda, eles q cuidam dessa parte hehe, só entrei de fininho no meio :P

Resumindo, foi mtooo divertido, tão bom ficar lá só relaxando, tendo um tempo importante com todo mundo, e esquecendo do stress diário :)



















29.6.16

Thailand (again)!
Já fui pra Tailândia ano passado com meus amigos, mas dessa vez fui só com a Yuriko, num passeio de casal. Da outra vez tinha ido pra Phuket, agora foi a vez de ir pra Ilha de Koh Samui. Bem legal também, lugar mais calmo, sem akela agitação do ano passado, ficamos num hotelzinho perto do centro e de frente pra praia!

Esses três dias passaram muito rápido, mas foi uma maravilha. Deu pra aproveitar bastante a praia, a piscina, o café da manhã delicioso, o quarto do hotel geladinho (enquanto fora tava uns 35 graus!)... Fizemos também um tour num safari onde podia andar de elefante, primeira vez pra nós dois, deu um medão no começo mas depois foi bem divertido, o guia até deixou eu montar sozinho! Também fomos num spa bem bonito, cheio de árvore em volta e com vista pro mar, ficamos lá umas 3 horas, relaxando e fazendo massagem! E por fim, no último dia fizemos yoga com uma professora da Suécia, muito bom também.

Enfim, deu pra se divertir bastante, e esquecer de todo o stress daqui. Até a próxima viagem! :)

































arquivos

Setembro 2005
Outubro 2005
Novembro 2005
Dezembro 2005
Janeiro 2006
Fevereiro 2006
Março 2006
Abril 2006
Maio 2006
Junho 2006
Julho 2006
Agosto 2006
Setembro 2006
Outubro 2006
Novembro 2006
Dezembro 2006
Janeiro 2007
Fevereiro 2007
Março 2007
Abril 2007
Maio 2007
Junho 2007
Julho 2007
Agosto 2007
Setembro 2007
Outubro 2007
Novembro 2007
Dezembro 2007
Janeiro 2008
Fevereiro 2008
Março 2008
Abril 2008
Maio 2008
Junho 2008
Julho 2008
Agosto 2008
Junho 2009
Julho 2009
Agosto 2009
Fevereiro 2010
Abril 2010
Maio 2010
Junho 2010
Julho 2010
Agosto 2010
Setembro 2010
Outubro 2010
Novembro 2010
Dezembro 2010
Janeiro 2011
Fevereiro 2011
Março 2011
Abril 2011
Maio 2011
Junho 2011
Julho 2011
Agosto 2011
Setembro 2011
Outubro 2011
Novembro 2011
Dezembro 2011
Janeiro 2012
Fevereiro 2012
Março 2012
Abril 2012
Maio 2012
Junho 2012
Setembro 2012
Outubro 2012
Novembro 2012
Dezembro 2012
Janeiro 2013
Fevereiro 2013
Março 2013
Maio 2013
Junho 2013
Julho 2013
Agosto 2013
Setembro 2013
Outubro 2013
Novembro 2013
Dezembro 2013
Fevereiro 2014
Março 2014
Abril 2014
Maio 2014
Agosto 2014
Setembro 2014
Outubro 2014
Novembro 2014
Dezembro 2014
Fevereiro 2015
Abril 2015
Maio 2015
Junho 2015
Julho 2015
Agosto 2015
Setembro 2015
Outubro 2015
Janeiro 2016
Abril 2016
Maio 2016
Junho 2016
Agosto 2016
Setembro 2016
Outubro 2016
Fevereiro 2017
Maio 2017